VAR e defesa peneira

Ok, a arbitragem prejudicou o Vasco. Porém, a defesa cruzmaltina hoje também deu suas entregadas. O Palmeiras teve chances e chances no segundo tempo. Bons tempos de outrora, em que o Vasco dificilmente perdia no Rio, seja em SJ, seja no Maraca. Mas como dizia Drummond em seu poema Itabira, hoje o Vasco é um retrato na parede. E como dói a lembrança.

Gramado careca, com muitas falhas. SJ está em mau estado atualmente. E isso comprometeu sobremaneira o jogo, que foi truncado, corrido, mas não faltaram emoções. No primeiro tempo, o jogo foi igual com boas chances para ambos os lados. E o porco abriu o placar aos 11 minutos em uma trapalhada da defesa cruzmaltina: a bola foi lançada, passou por Danilo Barcelos e passou por entre os 2 zagueiros e sobrou para Lucas Lima, que chutou 2 vezes para abrir o placar. Mas aos 17, o Vasco chega ao empate em um cruzamento de Rossi, Mayke falha bisonhamente e joga contra o próprio gol; gol de centroavante. Aos 22, Zé Rafael chutou de longe para boa defesa de Fernando Miguel. E aos 31, uma chance que custou uma possível vitória: Guatin rouba a bola de Luan, invade o campo de defesa palmeirense e carimba Fernando Prass. Uma lástima. Fim do primeiro tempo.

No segundo tempo, o Vascp veio para cima e aos 11, Pikachu recebe passe de Rossi e fuzila para Fernando Prass defender e a bola raspar a travve e ir para escanteio. A partir daí só deu porco. Aos 16, Zé Rafael acerta a trave; aos 25 Luiz Adriano chuta e Fernando Miguel defende. E aos 31, o lance polêmico que determinou o triunfo alviverde: na entrada da área, Luiz Adriano disputa a bola com Danilo Barcelos; este é derrubado por Luiz Adriano, que dribla Castan e toca na saída de Fernando Miguel. O VAR sequer esboçou qualquer reação. E aos 37, Henriquez disputou uma bola e caiu na área. Possível pênalti. A arbitragem se perdeu por completo, e mais uma vez o Vasco paga por isso.

Temos agora 7 jogos a fazer: CSA, Flamengo Goiás, Bahia, São Paulo, Cruzeiro e Chape. 3 jogos em SJ. SJ agora precisa funcionar. São 6 pontos em 21, ou seja um aproveitamento de 28%. e possível tentar a vitória contra o CSA e depois tentar ao menos o empate com o Flamengo. 43 pontos e tentar a vitória sobre o Goiás, 46 pontos. E feliz 2020. Dá para se livrar do Z4 com antecedência. Agora, Liberta, realmente sem condições.