Um bom empate, mas o Jadson…..

O zagueiro Jadson estava com a bola limpa. Era só despachar para longe. Mas…. Com isso, o jogo que estava favorável para a equipe cruzmaltina, virou e esta tomou pressão do adversário no segundo tempo. Menos mal que a derrota desta vez não veio e o 1 a 1 acabou se transformando em um bom resultado pelas circunstâncias.

Foi um jogo em que cada equipe jogou melhor 1 tempo. O Vasco no primeiro, o Sampa no segundo. E o resultado foi justo. E no primeiro tempo, embora o Sampa tenha tentado envolver o cruzmaltino em seu estilo de jogo, acabou se dando mal. Embora tenha tido a primeira chance aos 10, com Sara em cobrança de falta, aos 12, em lançamento de Leo Gil, Gustavo Torres ganha na corrida de Léo Pelé e chuta para boa defesa de Tiago Volpi. E aos 16, não teve jeito: outra estocada dessa vez de Gustavo Torres, bola certeira em velocidade para German Cano invadir a área e tocar o gol, por baixo das pernas de Tiago Volpi. O São Paulo ficou perdido em campo. Com iso, veio para cima e o Vasco com as estocadas em velocidade. Teve outra jogada dessas, novamente com Gustavo Torres, só que não deu em nada. O São Paulo teria uma chance aos 35 com Brenner chutamdo, a bola bate em Miranda e o goleiro Lucão faz boa defesa. E aos 42, quando o Vasco controlava o jogo, Jadson, com a bola já neutralizada em outro ataque paulista, faz uma tremenda lambança, um passe bisonho que pára no pé de Luciano para este empatar o jogo de frente para o gol. Simplesmente patética a jogada. Esse cidadão tem é que ficar na geladeira até o final da competição. Antes se fosse o Marcelo Alves ou o Castan. Fim do primeiro tempo.

O segundo tempo teve o time paulista com amplo domínio. Optou por se fechar um pouco mais, diminuindo os espaços para as estocadas cruzmaltinas, ue só conseguiu uma, aos 12 minutos, com Pikachu pela direita, que serviu Torres que tocou para Tiago Volpi defender a escanteio. E foi só. De resto, foi um bombardeio paulista com Luciano, chutando aos 16, para boa defesa de Lucão. E Sara, desfere uma bomba de fora da área para boa defesa de Lucão, aos 34 minutos. Mas também, não foi além disso. O Sampa tentou muito as bolas áereas e a defesa cruzmaltina se sobressaiu no final do jogo. No final das contas, o resultado se tornou justo. e apesar do gol entregue por Jadson, foi um bom resultado.

Com o empate, a equipe cruzmaltina sai momentaneamente do Z4. Poderia ser melhor, o Vasco poderia estar na décima primeira posição, um pouco mais longe do Z4. Mas não deu. O próximo compromisso agora é contra o Ceará daqui a 8 dias, no dia 30. E dessa vez, é vencer ou vencer. Não se pode mais jogar resultados importantes fora, como uma possível vitória hoje. Que sirva de lição.