Time limitado + fase ruim…

Quando o time é limitado e ainda assim a sorte não ajuda ? O Vasco dominou a maior parte do jogo, mas em um lance isolado, a defesa falha, dessa vez com Felipe Bastos e perde o jogo. Foi o que aconteceu hoje no Enche não oops, Engenhão. Perdemos para a turma da cachorrada por 1 a 0, no único lance deles no jogo todo. E Sidão sequer tocou na bola.

No primeiro tempo,o Vasco foi absoluto. O Botafogo sequer criou chances. E tivemos duas boas chances. Aos 13, cobrança de escanteio de Barcelos e Marrony testa forte para defesa sensacional de Gatito Fernandez. Antes, Marrony infernizou a defesa adversária com seus dribles e velocidade. Aos 33, a outra boa chance cruzmaltina: cruzamento de Rossi e Tiago Reis dá um tapa na bola e a mesma bate caprichosamente na trave. Pikachu teve uma chance, ao matar no peito, livre, mas demorou e a zaga afastou. O Botafogo nada fez.

No segundo tempo, até os 10 minutos, seguiu melhor: aos 7 minutos, cruzamento de Rossi e a bola quase entra. Mas Gatito põe a escanteio. Só que em Só que quem Só que quem Só que quem não faz, toma: e aos 12 minutos, a única chance do Botafogo em todo o jogo, a bola entra: Rodrigo Pimpão ganha de Pikachu no lado esquerdo e cruza : Felipe Bastos falha bisonhamente e Diego Souza, mata no peito antes de fuzilar Sidão e marcar o gol da vitória. E um detalhe cruel: a matada no peito. Diego Souza que perdeu um gol em 2012, nos custou uma Libertadores, faz o gol da vitória de hoje. O time cruzmaltino se desestabiliza e não consegue mais reagir.

E com essa derrota, seguimos na lanterna. E para agravar ainda mais, a administração segue perdida e sem saber como resolver os problemas. Time ruim dentro de campo e dirigentes incompetentes fora dele que demonstram não entender nada de futebol. E neste ano, o time cruzmaltino é inferior aos clubes que lutam pela permanência na Série A. O poço parece não ter mais fundo.