Sula 2020, estamos aí. 131000 sócios. Feliz 2019

Hoje foi um dia de catarse. Garantimos a Sula em 2020, 131000 sócios, ultrapassando o Internacional de Porto Alegre e salvamos dois rivais e alegramos o galo. Tudo porque o onze cruzmaltino derrotou as marias mineiras por 1 a 0 na noite de hoje.

O Vasco jogou uma partida na conta do chá. A dose certa para vencer e derrubar o time celeste. Foi um jogo de pouquíssimas chances, tenso. E o Vasco fez o seu gol da vitória aos 10 minutos: jogada ganha na raça no meio campo e Andrey toca para Guarin, que chuta no canto, sem chances para Fábio. De resto, o time celeste teve uma chance aos 31 minutos, com Ederson, que cruzou e Joel não alcançou a bola. Houve um lance em que o juiz marcou o pênalti em Marrony, mas este não houve. No mais, não teve nada relevante.

No segundo tempo, os marias mineiras vieram para cima. Mas de forma desordenada. Aos 14, Fred que saiu do banco, aproveitou um cruzamento de David e cabeceou para baixo, para defesa de Fernando Miguel. A melhor chance. Aos 34, cobrança de escanteio de Marquinhos Gabriel e Fernando Miguel defende novamente. Aos 44, novamente David cruza e a bola passa por Fred e Marquinhos Gabriel perde um gol feito. O Vasco teve uma boa chance aos 23, com Marrony cruzando e a zaga celeste quase faz contra. Basicamente foi isso que ocorreu. No mais, o onze cruzmaltino se defendeu bem e neutralizou toda e qualquer manobra adversária mais perigosa. P tome celeste abusou dos chuveirinhos sobra nossa área.

Com essa vitória, o Vasco conseguiu a merecida vaga na Copa Sul Americana. E de quebra afundou ainda mais o adversário. O que resta a equipe cruzmaltina agora é ganhar os 2 jogos que restam para buscar uma dinheiro maior de premiação por cont do posicionamentp na tabela. Ainda é o que resta ao Vasco a essa altura. Turbinar os parcos cofres cruzmaltinos. Vamos em frente.