Não sou série A ou série B, sou VASCO!

Amigos,

Perdemos a invencibilidade semana passada num jogo sem a estrela do time, Nenê, porém com falha do nosso goleiro e do zagueiro xerife Rodrigo. Mesmo com as falhas, perdemos várias oportunidades de matar o jogo, inclusive três bolas na trave. Faltou competência, mas sabe aquele dia em que nada dá certo? Foi esse dia. Perdemos para o segundo colocado, mesmo com o mando dele, jogando na nossa casa, com nossa torcida lotando o estádio.

Por outro lado, acaba a pressão da invencibilidade. As vezes dava a sensação de que os jogadores jogavam pra não perder. De fato não existia oba-oba, isso era mais pra a torcida, mas qual jogador não quer quebrar recordes e pertencer ao time a ser vencido?

+++++

Terça-feira, jogo em um São Januário vazio, primeiro jogo após sete meses sem perder. Não sei o que acontece com a torcida do Vasco. Torcedor apaixonado pelo seu time, mas que só tem comparecido na hora boa. Quero acreditar que é a crise e que o ingresso está caro. A diretoria não coloca ingressos mais baratos. O jogo foi mais cedo e sei que o acesso à Avenida Brasil está em obras, o que dificulta a logística. Série B não é de nível forte e tem confrontos fracos e chatos, onde prevalece a força física sobre a técnica na maioria das vezes. Mas será que o torcedor virou “modinha” e só vai nas disputas de títulos? Não se abandona um amor na hora em que ele mais precisa de você!

O jogo em si foi disputado, com lances de perigo para os dois lados e prevaleceu o mando de campo e a atitude em campo. Rodrigo não jogou bem novamente, mas foi premiado com um gol. Andrezinho, como sempre, mostrou uma regularidade surpreendente e William é um leão em campo. Falta apenas achar o camisa nove certo para esse time acertar de vez.

+++++

Sábado é dia de caldeirão e o espero mais cheio apoiando o time. Somos líderes, jogando em casa, independente de estarmos na série B. Teremos depois dois jogos fora e precisamos ganhar esse jogo, no qual teoricamente enfrentaremos um adversário mais fraco. Porém, no futebol tudo é possível. Sou mais Vasco.

Gostaria de fazer um apelo. Escrevo essa coluna antes do horário do jogo e gostaria muito que o time de basquete desse a volta olímpica. Retornaram com o nosso basquete, colocaram o Vasco de novo em nível nacional fora do Rio e não vão ter nenhuma comemoração junto com a torcida? Até fraldinha quando ganha campeonato comemora com a torcida. Por que eles não? Eles merecem por respeito e amor a esta camisa. Senti falta dessa mesma torcida, sábado passado, de manhã, no aeroporto, recepcionando os campeões. Os poucos que foram, mostraram como eles mereciam todo o carinho do torcedor. O basquete também é tradição na história do clube.

Espero sinceramente gritar É CAMPEÃO!
+++++

E você torcedor do Rio, não vai fazer uma forcinha pra ir à São Januário e apoiar o Vasco?

NÃO SOU SÉRIE A OU SÉRIE B SOU VASCO, EM TODOS OS ESPORTES!

+++++

Sempre ao seu lado, incondicionalmente.

++++++

E você já é sócio do Vasco? Está esperando o quê?

+++++

Toda segunda-feira tem o Programa Fala Vascaíno às 22 horas. Não percam!
www.youtube.com/falavascaino

Carolina Sousa
E-mail: carolinasousao@globo.com