Mais uma atuação apagada e o Z4

Que jogo lamentável. Um jogo fraco hoje em Goiânia, uma pelada. Com uma atuação abaixo da crítica, o Vasco empatou em 1 a 1 com o Goiás, no estádio da Serrinha. Muitos clubes, inclusive os flores meteram 4 a 2 na equipe esmeraldina. Era um jogo para conquistar 3 pontos relativamente tranquilo. Mas, nada saiu como deveria.

Um jogo fraco. Uma pelada. Um jogo de baixíssimo nível técnico, um dos piores jogos desse Brasileirão. O Goiás começou mais em cima e aos 12 minutos, Shailon chutou de longe para defesa em 2 tempos de Fernando Miguel. E aos 16, no primeiro ataque, o Vasco abre o placar: cobrança excepcional de Leonardo Gil e cabeçada rasante de Léo Matos. O interessante é a forma de elemento surpresa, uma cabeçada surpresa e precisa. Depois do gol, o Vasco recuou e controlou um pouco a pressão esmeraldina. Mesmo assim, o Goiás teve duas chances com Keko aos 32 e com Shailon aos 36, e em ambas boas defesas de Fernando Miguel.

No segundo tempo, o Vasco foi um time completamente inoperante. Não criou uma chance de gol e foi completamente pressionado pelo Goiás. E só não foi derrotado, porque o Goiás tem um time tão inoperante quanto o onze cruzmaltino. Foram 5 chances claras de gol. Aos 10, novamente Shailon e defesa de Fernando Miguel. E aos 16, o empate da equipe esmeraldina: bola cruzada, Ricardo Graça corta, bate rebate, a bola bate em Andrey e sobra para Keko que cruza para Shailon empatar o jogo. A partir daí, o que se viu foi um ataque contra defesa. O time esmeraldino veio para cima e criou 3 chances claras: uma com Douglas Baggio aos 44 minutos em um cruzamento da esquerda e Neto Borges falha e Baggio acerta a trave direita. Aos 46, Rafael Moura dá uma bicicleta e Fernando Miguel defende. E aos 50 minutos, cruzamento de Caju da ponta esquerda, Neto Borges falha e Rafael Moura teve tempo de dominar a bola e Ricardo Graça salva o que seria o gol da virada esmeraldina.

Com o empate de hoje,o Vasco chegou aos 19 ponto, saindo do Z4. Mas se o Braga amanhã empatar com o Grêmio, o time novamente volta para o Z4. A tendência é o Grêmio vencer, mas nunca se sabe. De qualquer modo, o time está com com o mesmo número de pontos de Bahia, Braga e Coritiba. Não conseguiu desgarrar. Quarta agora é a Sul Americana e domingo o Palmeiras em SJ. É seguir em frente.