É pelo Vasco, sempre!

Amigos,

Até que enfim vencemos. Convencemos? Não. Claro que o time havia feito algumas apresentações boas. Só que a bola não entrava, e esse pequeno detalhe é tudo no futebol. Aquele que faz a diferença. Em quantos jogos dominamos, tivemos maior posse de bola e não conseguimos ganhar? Vários. Em quantos jogos perdemos gols feitos que sabíamos que, se não entrassem naquela hora, depois não entrariam? Muitos.

Esqueçam a tabela e as contas. Neste momento só nos basta ganhar jogo a jogo. Não vale nada sofrer imaginando os confrontos lá da frente. Claro que vamos secar os adversários, mas precisamos fazer o nosso primeiro.

E todos os Vascaínos que acreditam de verdade que isso é possível precisam estar presentes no Maracanã. O Vasco está em dificuldades, mas a força e o apoio da torcida nessa hora são fundamentais para ser a alavanca motivacional.

Como o jogador se sente nessa situação ao olhar pra arquibancada e ver seu estádio cheio? Mais motivado ainda, porque sabe que a torcida confia nele.

+++++

Mais dois jogadores chegaram: Bruno Telles, oriundo do Grêmio, jogou a maior parte do tempo no Vitória dos Guimarães, em Portugal, e em um clube da Rússia completamente desconhecido. Desconheço esse jogador e, sinceramente, chegar a esta altura do campeonato e até adquirir ritmo de jogo e adaptação ao futebol brasileiro é bola fora. E veio o Mandacaru, do treze da Paraíba, jogador este que é reserva do Nonato, de 40 anos. Se não serve pro treze serve pro Vasco? Claro que não!

Realmente, nossas contratações, em vez melhorar a qualidade técnica do time, são questionáveis e o dinheiro investido neles é jogado fora. Com isso salários, ficam atrasados porque a folha aumentou e o Vasco não é capaz de honrar os compromissos. O Clube não estava despachando alguns jogadores para equilibrar os pagamentos? Por que novas e duvidosas contratações? É hora de pôr o pé no chão e pensar no ano que vem, independente do que vai acontecer ao final da 38º rodada.

+++++

Preciso falar de dois jogadores que estão temporariamente calando minha boca: Diguinho e Leandrão.

Diguinho, neste momento, se mostra como o melhor segundo volante do Vasco. Jogador voluntarioso, que corre o jogo todo, sabe sair jogando e que tem muita disposição, não existe bola perdida pra ele. Melhorou a velocidade do time e o poder de marcação porque sobe e volta a tempo. Esse jogador teve boas apresentações nos rivais, mas veio em baixa pro Vasco. Espero que se recupere para o jogo de amanhã. Foi muito bem contra a ponte preta.

Leandrão: jogador que veio de um clube pequeno disputando a série C, mesmo sendo artilheiro. Mostrou faro de gol, sabe se posicionar como um centroavante e sabe fazer o pivô. Desde a saída do Gilberto sentíamos falta desse tipo de jogador. O que adianta alçar a bola na área se não tínhamos centroavante? Movimentação do time já mudou com a presença dele no time.

+++++

Amigos, Herrera nem pensar, sua lentidão atrapalha demais o time. Mesmo Riascos perdendo bolas bobas consegue dar uma maior movimentação lá na frente. Temos um bom contra-ataque com a velocidade dele. Retém mais a bola no ataque.

Andrezinho é titular nesse time. Júlio dos Santos não dá. Apesar de ter habilidade, Júlio é um jogador lento que não consegue voltar pra marcar. Parece as vezes que temos menos um em campo.

Jorginho, com as peças que tem, já descobriu que nosso meio era lento e menos habilidoso. Está mexendo nas peças, colocando volantes mais rápidos e um meia que consiga distribuir bolas para o ataque. Nenê e Leandrão são peças importantes nesse time. Espero que Jorge Henrique volte a jogar a bola das suas duas primeiras apresentações com a camisa do Vasco. Futebol ele tem. Infelizmente Jorginho não tem muito tempo pra treinar o time.

+++++

Sou fã de São Januário. Amo meu estádio apesar de achar que ele está velho e ultrapassado em vários aspectos. Porém acho acertadíssima a decisão de passar o jogo para o Maracanã. Não por preservar a diretoria de vaias, xingamentos, mas da preservação do nosso próprio patrimônio. Os torcedores, de cabeça quente em caso de derrota, podem perder a cabeça e quebrar aquilo que com o nosso suor construímos e conquistamos. Fora que o confronto contra o atlético paranaense não é tão seguro numa área que é um caldeirão. A batalha de Joinville ainda está na memória de todos e ainda há um clima mal resolvido. Por questões de segurança, o Maracanã é o local certo para este jogo.

A diretoria poderia ter feito um desconto maior. É hora da torcida abraçar o time e estar presente e acreditar jogo a jogo.
+++++

Aqui não estamos iludindo ninguém. Precisamos ser realistas que ainda é muito complicado e difícil, mas enquanto houver chance, precisamos manter nossas esperanças.

Não é pelos jogadores, não é pelos dirigentes, é pelo Vasco sempre!

#EUESCOLHIACREDITAR

+++++

Sempre ao seu lado. Incondicionalmente!

+++++

E você já é Sócio do Vasco? Está esperando o quê?

+++++

Gostaria de convidar a todos para assistirem o Hangout do qual participo todas as terças-feiras às 22 horas: FALA VASCAÍNO.
www.youtube.com/falavascaino

Carolina Sousa
E-mail: carolinasousao@globo.com

Imagem: vasco.com.br