À espera de um milagre

Amigos,

E não é que estamos no enredo do filme: À espera de um milagre.

Domingo passado, contra o nosso freguês de carteirinha, tomamos um passeio de preparo físico e ritmo de jogo. Parecia que o Vasco é que tinha jogado uma semifinal na quarta-feira. Time apagado em campo, sem vontade (não por não querer jogar, mas faltavam pernas pra acompanhar devido à idade do elenco) e mais que tudo, o Vasco entrou em campo com aquela sensação: esse é o time que é o nosso freguês e a qualquer hora vamos virar o resultado. Um pouco de arrogância, se assim podemos dizer. Final dos acréscimos do primeiro tempo (juiz aumentou mais dois minutos por causa da comemoração do gol) e tomamos um gol de bobeira, bola essa que entrou chorando, lentamente. Mais uma desatenção. Era um jogo fundamental e que nos daria moral na caminhada, vencer um clássico era a partida necessária para voltar a crescer.

E como esse gol saiu? De uma jogada do Leandrão, que bloqueou o próprio ataque dando uma de zagueiro. É impressionante que com o tamanho deste jogador não ganhe uma disputa de bola. Perdi minha paciência com ele. Agora é hora de colocar quem está melhor física e tecnicamente.

Jorginho mudou o ataque com Jorge Henrique e Leandrão para Rafael Silve e Riascos e me surpreendeu porque não costuma fazer as substituições logo na virada dos tempos. Depois Éder Luís entrou e não foi tão mal, apesar do tempo afastado dos gramados. Pelo menos é certo alguém ali na direita perturbando a zaga adversária. Quando vai agüentar o jogo é que precisamos saber. Hoje não sei se ele agüenta e se seria uma decisão acertada. Preciso de mais um jogo para avaliar.

+++++

Agora teremos cinco adversários na seguinte ordem:

– Palmeiras: Jogo duríssimo na casa deles. O time tem jogadores técnicos, mas com atuações irregulares. Tudo pode acontecer. Nos últimos jogos, cansaram no segundo tempo. Mas o Vasco morre junto. Sinceramente, para mim, resultado imprevisível.

– Corinthians: Adversário já pode ser campeão nessa rodada. Basta que ganhe do Coritiba nesta rodada e torcer por um empate ou derrota do galo (derrota não é bom pro Vasco porque eles jogam contra o Figueirense). O técnico já disse que pode dar férias ao elenco se for campeão. Seria ideal para não sermos derrotados dentro de casa. Ou alguém acha que ganharemos deles? Só um milagre, porém futebol é bola na rede.

– Joinville: eles jogam em casa. Confronto duríssimo e direto. Últimas lembranças desse estádio não foram boas. Tudo pode acontecer nesse confronto e se preparem para o baixo nível técnico.

– Santos: jogo em casa, talvez com time misto por eles estarem na final da copa do Brasil, porém mesmo com mistão a garotada deles pode por o Vasco na roda pra correr. Outro jogo duro. Se o Vasco fizer partida como contra o SP lá, no segundo tempo, dá pra vencer. Esperar misto mesmo que dá pra gente.

– Coritiba: eles jogam em casa e sinceramente espero chegar à última rodada com chances. Jogo duríssimo, talvez com os dois disputando a última vaga. Sobrevivência pura. Salve-se quem puder. Dramático.

Lembrando que para o Vasco se salvar precisa ganhar cinco jogos ou talvez com o andamento no campeonato dos times de baixo pouco pontuando, com quatro vitórias e um empate dê pra não cair.

Assim todos nós esperando por esse milagre.

+++++

Nosso presidente deu declaração essa semana de que pagou oitenta milhões em dívidas. Como? Com que dinheiro? Se ele estiver falando da adesão ao Profut, do qual parece que o Vasco já pagou duas parcelas, ele ainda não pagou. Ele aderiu, conseguiu o parcelamento e aos poucos vai quitar. A única coisa que muda nesse momento é o status de inadimplente pro de adimplente. Pelo relatado, dois milhões saem diretamente das cotas de televisão. E ainda deu uma entrevista dizendo que transparência aos sócios não é mostrar e sim pagar.

Presidente: transparência é mostrar aos sócios o dinheiro entrando, dinheiro saindo, com o quê foi gasto. Esse acho que é o entendimento de todos nós.

Aderindo ao Profut, é necessário mudanças no nosso estatuto. Uma delas é que aumenta o tempo de mandato de três para quatro anos. Outra é que descendentes não podem assumir em seguida (filhos). O mandato só pode ser prorrogado mais uma vez.

Já que precisam mexer no estatuto, por que não mudar em outros itens como para ser presidente ter pelo menos dez anos de sócio e ter sido conselheiro pelo menos uma única vez? Acho que cinco anos para ser conselheiro pode ser mantido e pra votar também ter cinco anos. Assim mantém os sócios fiéis até terem possibilidade de participar da vida política do clube. Um ano é muito pouco, todos saem e voltam no mesmo mandato. Também não permitindo quem nunca participou politicamente do clube se eleger.

+++++

O Vice-presidente de Marketing anunciou que teremos surpresa no novo plano de sócios. Espero realmente ser surpreendida. Sempre torço por coisas boas para o Vasco independente de quem esteja administrando o clube.

+++++

Como eu comecei a coluna: A espera de um milagre e como futebol é imprevisível e é bola da rede, enquanto estatisticamente houver chance EU ACREDITO! Eu ia a São Paulo domingo assistir o jogo, mas problemas particulares me impediram. Aos Vascaínos que acreditam o meu muito boa sorte. Que nos tragam a vitória, porque a Esperança é a última que morre. #EUESCOLHIACREDITAR

+++++

Sempre ao seu lado. Incondicionalmente!

+++++

E você já é Sócio do Vasco? Está esperando o quê?

+++++

Gostaria de convidar a todos para assistirem o Hangout do qual participo todas as terças-feiras
às 22 horas: FALA VASCAÍNO.
www.youtube.com/falavascaino
E aos Domingos A VOZ DO VASCAÍNO também às 22 horas pelo youtube.
Carolina Sousa
E-mail: carolinasousao@globo.com